Resenha | Do Cárcere ao Triunfo

28 de out. de 2020

Oi Perdidos, 

Sabem quando a gente está em águas turvas, sem saber o que ler após um livro que nos arrebentou como uma onda gigante? Nada melhor do que uma aventura fantástica e medieval, como Nand: Do Cárcere ao Triunfo.

Nand: Do Cárcere ao Triunfo
Financiamento Coletivo

Série: Maretenebrae #0,5
Editora: Indie
Gênero: Aventura, Medieval, Fantasia, Nacional
ISBN: 6586100607 Skoob
Páginas: 100
Ano: 2020
Classificação:


Governado por um rei justo no norte e um tirano no sul, Sieghard passa por um dos momentos mais conturbados de sua história. Na pacata vila de Tranquilitah, os estudantes do Centro Acadêmico de Atividades Militares Paternigro (CAAMP) estão inquietos. Correm boatos de que o rei do sul pretende lançar um enorme ataque que fatalmente atingirá a academia. 


O rebelde Nand foge do CAAMP e parte rumo à fronteira dos reinos junto com os amigos Shunn (um lanceiro invocado), Berk (um cavaleiro mimado), Orvar (um besteiro gentil) e Nimat (uma maga enigmática) para impedir o ataque eminente.

  

A história se passe antes dos acontecimentos da duologia Maretenebrae (A Queda de Sieghard e O Flagelo de Dernessus). O autor , que assina como co-autor, para narrar como ocorreu a unificação de Sieghard.


A rebeldia de Nand traz mais camadas para o personagem principal. Ele é malandro e briguento, mas possui boas intensões. Seus amigos também são bem construídos e tem bons momentos. Me diverti muito lendo as alfinetadas entre Shumm e Berk.

Nand: Do Cárcere ao Triunfo é uma aventura juvenil leve e divertida, com um lindo projeto gráfico. O texto de L.P Faustini e as ilustrações de Pablo Murinelly nos levam direto para o reino de Sieghard, onde acompanhamos a jornada desses jovens guerreiros. Um livro para jovens de 8 a 80 anos. Já estou com saudades dos personagens que se tornaram amigos queridos.


L.P. Faustini e Pablo Murinelly estão lançando a campanha de Nand: Do Cárcere ao Triunfo para Financiamento Coletivo no Catarse. Clique AQUI  para conhecer o projeto e assinar.

Com amor, André

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi Perdido,
Deixe o seu recado, seja ele um elogio ou uma sugestão.
Obrigada por visitar os Garotos Perdidos.