Resenha | Caminho Longo

21 de mai. de 2020

Oi Perdidos,

Eu adoro os livros do autor Vinicius Fernandes, também conhecido pelo pseudônimo A. Wood. Considero Graham: O Continente Lemúria sua obra prima e Caminho Longo é seu lançamento mais recente.

Caminho Longo
Amazon | Editora Pendragon

Autor: Vinicius Fernandes
Editora: Pendragon
Gênero: Romance, Drama, Nacional, LGBTQIA+
ISBN: 6580199210 Skoob
Páginas: 206
Ano: 2019
Classificação:

Vinicius Fernandes sempre apresentou diversidade em seus livros, mas de forma indireta. Como uma característica dos personagens de suas histórias de fantasia, terror e ação. Isso sempre chamou a minha atenção positivamente. Caminho Longo é um drama LGBTQIA+ onde a homossexualidade é o foco dessa emocionante história.

Bruno sempre soube, desde pequeno, que havia algo de diferente com ele. Sofria Bulling na escola e se sentia deslocado. Seu único e verdadeiro amigo é seu irmão mais velho. Bruno sabia que podia se abrir com Matheus e falar sobre tudo que passava pela sua mente e seu coração.

Esse mundo é cruel demais. Precisa de mais amor e compreensão. Só assim a gente vai para frente.

Mas a vida costuma passar uma rasteira na gente e foi exatamente isso o que aconteceu com Bruno. Matheus é morto em um assalto, afastando ainda mais os pais de Bruno. Eles se isolam dentro da própria dor, deixando Bruno perdido em um momento de extrema necessidade.

Acompanhamos Bruno em sua jornada de autoconhecimento e sua busca pela felicidade. Tudo isso é narrado em primeira pessoa, misturando presente e passado. O legal é que nem sempre sabemos em que momento da linha do tempo estamos para nos surpreendermos depois.

Caminho Longo é um drama LGBTQIA+ arrebatador que só um autor own voices e com o talento de Vinicius Fernandes é capaz de escrever. Fiquei com um nó na garganta em vários momentos. Amei esse lado mais pungente do autor.

O caminho pode ser longo e doloroso, mas tudo pelo que passamos durante a jornada da vida é o que nos transforma em quem somos hoje

"All in all you're just another brick in the wall..."

Com amor, André

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi Perdido,
Deixe o seu recado, seja ele um elogio ou uma sugestão.
Obrigada por visitar os Garotos Perdidos.