Resenha | O Aprendiz de Assassino (A Saga do Assassino #1)

16 de mai. de 2020

O Aprendiz de Assassino é o primeiro volume de A Saga do Assassino, fantasia escrita pela autora americana Margaret Astrid Lindholm Ogden, mais conhecida pelo pseudônimo Robin Hobb.

A história foi publicada originalmente nos EUA em 1995. A Editora Leya publicou a trilogia completa aqui no Brasil entre os anos 2013 e 2014, mas a Editora Suma está relançando os livros com uma nova identidade visual. Tradução de Orlando Moreira.

O Aprendiz de Assassino
Amazon | Saraiva | Submarino

Série: A Saga do Assassino #1
Autora: Robin Hobb
Tradutor: Orlando Moreira
Editora: Editora Suma
Gênero: Alta Fantasia, Aventura
ISBN: 8556510841 Skoob
Páginas: 376
Ano: 2019
Classificação:

Uma história dos Seis Ducados¹ é, necessariamente, uma história de sua família governante, os Farseer.


Fitz é filho bastardo do príncipe Chivalry Farseer, herdeiro dos Seis Ducados. Aos seis anos, o avô de Fitz entregou o garoto à guarda real dizendo que a partir daquele momento o pai teria que cuidar do próprio filho. Mas, Chivalry abdicou do direito ao trono e se exilou na Floresta Mirrada com Lady Patiance. O garoto é criado por Burrich, mestre dos estábulos, e cresce em meios aos criados e animais do estábulo.

Não faça o que não pode desfazer, até ter considerado o que não poderá fazer depois de tê-lo feito.

O bastardo possui uma rara habilidade que o permite se comunicar com os animais e ele cria um forte laço afetivo com Narigudo, um animado cachorrinho. Essa magia é chamada de Manha e deve ser mantida em segredo porque é considerada muito primitiva.

O Rei Shrewd sabe o quanto um bastardo pode vir a ser leal ao seu rei ou se virar contra ele, dependendo de como é tratado, por isso oferece um quarto confortável na torre da corte, treinamento e educação em troca de lealdade. Fitz passa a ser treinado, entre outras coisas, para se tornar assassino a serviço do rei.

Quando considerar a motivação de um homem, lembre-se de que não deve julgar o trigo dele com a sua medida. Afinal, pode ser que ele não usar o mesmo padrão que você.

Quando saqueadores selvagens começam a atacar as regiões costeiras transformando parte da população em criaturas desumanas, Fritz recebe suas primeiras missões como assassino. Mas a última missão pode ser mais complicada do que todos imaginavam.

Gostei muito de O Aprendiz de Assassino, mas não senti tanta empatia pelo personagem principal. Só fui torcer pelo Fitz quando ele começou a ser treinado para o Talento, o poder de entrar na mente de outras pessoas. Mas isso só acontece lá pelo final da segunda parte, o que me fez tirar uma estrela da classificação. Entretanto, amei os cachorros Narigudo e Ferreirinho (animais sempre me cativam). O primeiro livro da Saga do Assassino é classificado com 4.14 estrelas no Goodreads, tendo sido avaliado por mais de 208.200 pessoas.

A edição da Editora Suma é excelente. Amei a nova capa, com o número do volume da série em destaque na lombada. A editora optou por não traduzir o nome dos personagens que, no universo da Robin Hobb, podem representam características dos personagens. Infelizmente, todo livro de fantasia tem uma diagramação mais apertada, com letras pequenas. É padrão. Neste caso, prefiro ler o e-book, onde a gente pode mudar o tamanho das letras e o espaço entre as linhas, deixando a leitura mais fluida. Na edição física parece que cada página vale por duas.

Em O Aprendiz de Assassino a autora americana Robin Hobb traz uma trama política muito bem desenvolvida, com algumas reviravoltas interessantes, porém previsíveis. O primeiro livro de uma saga costuma introduzir o universo e os personagens. Acredito que a trama deve se desenvolver mais nos próximos livros. Estou curioso para saber quais caminhos Fitz vai seguir depois dos últimos acontecimentos. Um clássico da literatura fantástica que merece ser lido, principalmente pelos fãs de alta fantasia.

Com amor, André

¹Ducado é um conjunto de terras que forma o domínio de um duque; jurisdição de um duque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi Perdido,
Deixe o seu recado, seja ele um elogio ou uma sugestão.
Obrigada por visitar os Garotos Perdidos.