Resenha | Jogos de Adultos

15 de mai de 2018

Oi Perdidos,

A autora Tatiana Mareto escreveu Jogos de Adultos após ser desafiada por uma amiga. Elas não gostaram de Cinquenta Tons de Cinza e a amiga apostou que Tatiana seria capaz de escrever um romance erótico melhor.

 
Título: Jogos de Adultos
Autora: Tatiana Mareto
Editora: Amazon
Gênero: Romance, Erótico
Páginas: 338
Ano: 2013
Classificação:

Layla Adams é advogada e está conseguindo colocar sua vida de volta aos trilhos depois de um longo tratamento psicológico. Está feliz com o trabalho no escritório Metcalfe & Matthew, quando Melanie, sua melhor amiga, a convida para um Clube de Sexo.

Não aceitam qualquer um; novos membros devem ser introduzidos por membros já admitidos. Todos precisam levar um atestado de saúde, demonstrando que são aptos a realizar sexo sem proteção, caso desejem. E você pode se relacionar com quem quiser, quantas vezes quiser, sem nenhuma restrição, sem traumas ou tabus. É tão libertador!

A ideia de sexo com vários homens diferentes não atrai Layla, mas ela acaba aceitando o convite de Melanie. No Clube, Layla conhece Andrew Thorne, um lindo executivo de Wall Street, e o enigmático James Miller. Um grande jogo de sedução começa entre eles, mas será que Layla está preparada?

Quando comecei a ler Jogos de Adultos, fiquei impressionado com a escrita da capixaba Tatiana Mareto. O fato dela também ser advogada e professora do curso de Direito trouxe muita verdade para o cenário profissional de sua personagem principal. Imaginei o que aconteceria com esse triângulo amoroso assim que conheci Andrew e James, mas a autora me surpreendeu com um desenvolvimento completamente diferente do que tinha imaginado. Há, inclusive, um estuprador levando pânico às mulheres de Nova York.

Sim, a história se passa em Nova York, apesar disso não ser muito citado durante o livro. Faltou uma certa identidade geográfica. Também encontrei alguns erros no e-book. Erros simples de digitação, mas que chamaram a minha atenção. O que menos curti foi o triângulo amoroso entre Andrew, Layla e James. No início, o jogo entre eles funciona muito bem, mas depois cansa um pouco. Ainda bem que a autora traz algumas reviravoltas inesperadas.

Será que Tatiana Mareto se saiu bem no desafio? Claro que sim! Não consigo dizer se Jogos de Adultos é melhor do que Cinquenta Tons de Cinza porque são dois livros bem diferentes, apesar de serem do mesmo gênero. Não há problema algum se você prefere Jogos de Adultos, se prefere Cinquenta Tons de Cinza ou se gosta dos dois. Afinal, é tão libertador gostar sem restrições.

Com amor, André

Resenha feita por mim para
blog Clube do Farol

2 comentários:

  1. André
    Mesmo tendo elogiado o livro, suas 3 folhinhas me deixou bastante desanimada. Sabe, sigo suas dicas de livros nacionais desconhecidos, já li Aluga-se Um Noivo por indicação sua, e também todos da Trilogia Protetores. Mas não me animei a ler este (ainda)
    Abraços,
    Gisela
    Ler para Divertir

    ResponderExcluir
  2. Oi André! Tudo bem?
    Um desafio para escrever algo melhor que 50 tons? Nem precisa fazer muito esforço, mas pela resenha, creio que a autora conseguiu. Veremos se lerei esse livro para descobrir se há verdade nisso, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir

Oie,
Obrigada por visitar os Garotos Perdidos.
Sua opinião é muito importante para mim.