Resenha | Deep

21 de mar de 2017

Oi Perdidos,

Acabei de ler o último livro da série Stage Dive. Deep conta a história do último integrante da famosa banda de Rock & Roll que dá nome à série.

Ben Nicholson é o baixista da banda e, até os livros anteriores, é o personagem menos carismático da série, se compararmos com David, Jimmy e Mal. Por isso, minha expectativa não era das melhores.

Será que a australiana Kylie Scott conseguiu fechar a série com chave de ouro?

Título: Deep (Deep)
Série: Stage Dive #1 (Stage Dive #1)
Autora: Kylie Scott
Tradutora: Cristina Calderini Tognelli
Editora: Universo dos Livros
Gênero: Romance, Hot, Bandas
Páginas: 320
Ano: 2017
Classificação:


O livro começa com um prólogo bem impactante. Lizzy Rollins descobre que está grávida de Ben e acaba soltando a bomba durante o jantar de comemoração dos 2 anos de casamento de Mal, o baterista, e a sua irmã, Anne.

Acontece que Liz ainda está cursando a faculdade de Psicologia e é 8 anos mais nova que Ben. Conhecendo como o amigo é mulherengo, Mal tinha pedido para Ben não se envolver com a sua cunhada e essa traição pode colocar tudo a perder entre os dois grandes amigos.

No início, Liz parece ser uma mulher forte e decidida apesar do drama da gravidez, mas, quando retrocedemos quatro meses para conhecer a história de Liz e Ben, parece que estamos perante outra pessoa. Liz é romântica, inocente, e corre atrás de Ben que nem Bella corria atrás de Edward. Pensei logo que o livro estava destinado ao fracasso. Não gosto de personagens mimizentos.

Mas, quando o livro volta novamente ao presente, ela parece ganhar força, mesmo sendo insegura e romântica em alguns momentos. Liz tem o sonho de que ela, Ben e o feijãozinho (maneira carinhosa como chama o feto) possam constituir uma família, mas é lógico que Ben só faz besteira em cima de besteira. Liz não é mimizenta, é apenas a personagem feminina mais sonhadora e romântica da série.


A autora insere algumas conversas entre o casal através do WhatsApp que poderiam ser mais bem aproveitadas. Tudo bem que as trocas de mensagens servem para demonstrar como os dois foram ficando cada vez mais próximos, mas os e-mails trocados entre Grey e Ana, de [Cinquenta Tons de Cinza #4] Grey, são bem mais divertidos. Um ponto interessante é que essas conversas nos remetem a um acontecimento mostrado em Lead, quando Ben leva uma mulher para jantar. Esses crossovers aparecem em vários momentos na série e são pontos fortes por trazerem uma maior interação entre os personagens.

Apesar de alguns pontos negativos citados, gostei muito de Deep. Adorei rever os personagens criados pela autora Kylie Scott. O grande trunfo da série são os personagens carismáticos (Ben, inclusive), a escrita fluida e a amizade entre os integrantes da banda e suas respectivas mulheres.

A química entre o casal é muito boa e temos muitas cenas eróticas a cada virar de páginas.

Puta merda, aquilo era bom demais. Seu pau era pura magia masculina.

O melhor livro da série continua sendo Lick que conta a história de David e Ev. Em segundo lugar fica Play, com Deep logo em seguida. Lead é o mais fraco deles. Esperava uma história mais forte devido o envolvimento de Jimmy com as drogas, mas, mesmo assim, é um livro muito legal.

Gostei da série como um todo e Deep consegue, sim, fechar a série de forma positiva. Vou sentir saudades da famosa banda de Rock & Roll Stage Dive.

Beijos.

Tenha pensamentos felizes.


Resenhas dos outros livros da série:


 O blog Garotos Perdidos faz aniversário no dia 04 de abril. Para comemorar o primeiro ano de vida, convidamos a banda Stage Dive para participar de um grande sorteio!
O vencedor vai levar os 4 livros da série escrita pela australiana Kylie Scott.
O sorteio está acontecendo no IG do Garotos Perdidos: @garotos_perdidos.
Venha participar desse show até o dia 04/04/17!!!


23 comentários:

  1. Olá! Acho que essa é a primeira vez que venho ler uma resenha de um livro que não me agrada por aqui. A resenha está ótima, mas a série realmente não me apetece. Aguardando a próxima indicação ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rodrigo,
      Que pena, mas fico feliz em saber que você tem gostado dos outros livros.
      Um forte abraço,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  2. Olá,
    Desde que soube da existência da série eu fiquei bem curiosa para fazer a leitura e o volume que mais chama minha atenção realmente é o de Jimmy por causa do envolvimento com as drogas.
    Que bom que a série foi fechada de forma positiva e agora fico curiosa para saber em qual você irá engatar a leitura.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michele,
      Depois desse eu li A Lista dos Desejos, de Eoin Colfer, já resenhado aqui no blog. Estou com A Filha do Sangue (Livro 1 da Trilogia das Joias Negras) e Extraordinário prontos para ler. Como gosto de ler um livro de cada vez, devo ler Extraordinário primeiro para depois mergulhar na fantasia das Joias Negras.
      Beijos,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  3. Oiii Andre, tudo bem?
    Eu realmente não sou muito chegada nessa série desde que houve o lançamento, mas fico feliz de entrar em seu blog e ver o quanto gostaste, suas resenhas são sempre incríveis.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa Morgana,
      Obrigado por gostar das minhas resenhas. Nem sempre fico confiante com as coisas do blog.
      Um grande beijo,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  4. Olá!
    Bom, começo dizendo que essa capa tira o fôlego de qualquer um.... Está maravilhosa!!! Apesar de ter me sentido atraído apela história, não estou em condições de iniciar uma série agora. Comecei a ler livros eróticos agora, e já percebi que essa série me parece ser muito boa, apesar de alguns pontos negativos. Beijos do Wes ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Wesley,
      Também comecei a ler livros hot há pouco tempo. Tenho uma amiga que curte bastante e sempre me empresta um ou outro livro pra ler. Foi assim que conheci a série Stage Dive. Tive que continuar porque a curiosidade é grande, por isso também penso bem antes de começar uma série, mas hoje em dia fica difícil. Tudo é série ou trilogia.
      Abraços,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  5. Olá, tudo bom?
    Gente, melhor resenha da vida! Como eu ri com ela, sério. Acho que quatro estrelas foi uma nota relativamente excelente para quem não tinha expectativas sobre o livro. Já queria iniciar essa série, mas depois da sua resenha quero pra ontem! Parabéns pela resenha.

    Beijos, Rob
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Roberta,
      Espero que você goste da série, assim como eu gostei.
      Não é uma obra prima, mas cumpre com o prometido.
      Beijos,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  6. Como você, eu também não suporto personagens mimizentas. Sério, tem livros que nem consigo terminar por isso, porque da uma irritação sem tamanho, kkk.
    Mas em relação ao livro, mesmo com a resenha bem natural e bacana, a obra não me chamou atenção.
    Acho que por não ser um dos meus gêneros preferidos, sei lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline,
      Das personagens femininas dessa série, Lizzy é a mais romântica e inocente delas. Numa análise mais fria, no final teria tomado uma atitude diferente.
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  7. Conheço a série apenas de divulgação nas redes, mas nunca li, não chama minha atenção, infelizmente. Mas, acredito que para quem aprecia o estilo, deva ser uma leitura formidável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lilian,
      Obrigado pela visita. Volte sempre.
      Beijos,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  8. Nossa, não lembro de ter lido algo sobre a série, mas parece ótima! Buscarei mais sobre ela.

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Tem resenha dos 4 livros da série no blog.
      No final dessa ultima resenha tem o link para as anteriores.
      Beijos,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  9. Eu não conhecia a história (nem sabia dos outros livros), mas ri com sua resenha e me identifiquei porque me lembrei de outras leituras..
    Mas achei a nota excelente para quem não tinha muita expectativa rs

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clacy,
      Por não esperar muita coisa, acho que fui surpreendido pela história divertida. Fiquei com um sentimento de nostalgia e de saudade dos personagens.
      Beijos,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  10. Oie
    muito legal sua resenha, parece ser um livro interessante para os amadores do gênero o que não é meu caso, nunca tive curiosidade pelo gênero mas boa dica pelo enredo mais leve

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cath,
      Sim, é uma série que vai agradar apenas os apreciadores do gênero.
      Beijos,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  11. Adorei sua resenha, essa é uma série que quero muito começar. Faz bem meu estilo e me lembrou um pouco o Acesso aos bastidores. Depois da sua resenha, terei que comprar e ler urgentemente hahahaha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Angel,
      Espero que goste assim como eu gostei.
      Beijos,
      André | Garotos Perdidos

      Excluir
  12. Oi, tudo bem? É a primeira vez no seu blog e ainda não conhecia essa série. Alguns livros são bem escritos no entanto deixam a desejar em determinado aspecto. Quando gostamos de uma série colocamos muita expectativa e esperamos que ela acabe como gostaríamos, mas as vezes isso não acontece, uma pena. Sua resenha ficou ótima. Beijos, Érika ^.^

    ResponderExcluir