[Canalhas #1] O Príncipe dos Canalhas - Loretta Chase

13 de set de 2016

Título: O Príncipe dos Canalhas
Título Original: Lord of Scoundrels
Série: O Príncipe dos Canalhas #1
Autora: Loretta Chase
Editora: Editora Arqueiro
Gênero: Romance de Época
Páginas: 286
Ano: 2015
Classificação: 5 Estrelas (Adorei)

Não sou muito fã de Romances de Época, mas uma amiga minha adora e vive me emprestando uns títulos para ler. (Obrigado Dri). Foi o que aconteceu com O Príncipe dos Canalhas

O problema que vejo nos Romances de Época é que eles seguem uma cartilha, onde o tabu e a honra são sempre um problema. Certo, todos os gêneros seguem suas cartilhas, mas a cartilha dos Romances de Época me incomoda um pouco. Normalmente a mocinha é ingênua e recatada e se apaixona por alguém que a família aristocrática dela não aprova. Prefiro os romances que mesclam com fantasia ou os romances eróticos. 

Mas, para a minha surpresa, o romance escrito por Loretta Chase foge bastante à regra.


Paris, 1828.

Sebastian Ballister é o grande e perigoso Marquês de Dain, conhecido como Lorde Belzebu: um homem com quem nenhuma dama respeitável deseja qualquer tipo de compromisso. Adora sua vida depravada e pecadora, livre dos olhares traiçoeiros da conservadora sociedade parisiense.

Quando nasceu, foi rejeitado pelo próprio pai devido a sua aparência física desagradável. Tinha grandes olhos e cabelos negros, braços e pernas desproporcionais e um nariz grosseiro e exagerado. Um verdadeiro monstrinho. Quando sua mãe fugiu com outro homem, seu pai se afastou ainda mais e o mandou para o internato Elton, onde foi constantemente humilhado pelos colegas. Também não fazia muito sucesso com as mulheres na época.

Jéssica Trent chega à Paris para ajudar seu irmão, Bartie. Ele idolatra Sebastian e procura seguir o mesmo estilo de vida dele. Só que Bartie não é como o Marquês de Dain. Já perdeu muito dinheiro em apostas, jogatina e mulheres, deixando sua irmã e avó preocupadas. Liberal para sua época, Jessica não se deixa abater por escândalos e tabus impostos pela sociedade (ponto para Loretta Chase).

Quando Sebastian e Jéssica se encontram, conseguimos sentir as faíscas entre eles saltar das páginas do livro, afinal, são duas pessoas de personalidade forte e acostumadas a conseguir tudo o que desejam. Cada um quer subjugar o outro e provar que seus ideais estão corretos.

O que ninguém poderia imaginar é que esse jogo de gato e rato seria capaz de despertar sentimentos que foram há muito tempo bem enterrados pelo Marquês de Dain. Tampouco que a inteligência e a virilidade do Lorde Belzebu pudessem desviar Jessica de seu objetivo.

Agora, os dois passaram a ser o alvos das fofocas de toda a sociedade parisiense e os jogadores apostam se Sebastian e Jessica estão realmente apaixonados ou se tudo não passa de uma jogada de mestre desses dois estrategistas.

Não tem como não se apaixonar por esses dois personagens e torcer para que ambos consigam vencer os obstáculos para ficarem juntos. Pode ser visto como uma releitura de A Bela e a Fera, como diversos outros romances são, mas a escrita excelente de Loretta Chase deixa tudo com um ar de novidade e frescor.

Eu só não teria contado a história do passado de Sebastian durante o prólogo. Acho que se soubéssemos sobre o seu passado só mais pra frente, iriamos ficar com raiva do Lorde Belzebu só para depois entendermos o porquê de suas atitudes. Seria uma bela de uma reviravolta.

Loretta Chase nasceu em 1949 numa família albanesa. Assim que aprendeu a escrever passou a pôr no papel as histórias que inventava. Formou-se em inglês pela Clark University, onde trabalhou meio período como professora, ao mesmo tempo em que escrevia roteiros (será que poderemos esperar por adaptações de seus livros para o cinema no futuro?). Um dos produtores com quem trabalhava a inspirou a publicar suas histórias e acabaram se casando. Chase publica suas histórias desde 1987.

O Príncipe dos Canalhas venceu o Prêmio RITA de Melhor Romance Histórico em 1996. O Prêmio RITA é o maior prêmio de destaque em romances de ficção e reconhece a excelência em romances publicados e novelas.

Uma curiosidade é que O Príncipe dos Canalhas (Lord of Scoundrels) foi o primeiro livro da série Scoundrels lançado no Brasil, mas, na realidade, ele é o terceiro livro da série no exterior. Isso não altera em nada o prazer em ler a série, porque cada livro conta uma história independente.

O livro é narrado na terceira pessoa e  tem umas pitadas de erotismo. Acabei esquecendo que a história se passava em Paris de 1828, afinal seria difícil encontrar uma mulher como Jessica nessa época. É uma história atemporal, cheia de intrigas, equívocos, armadilhas, paixões e desejos.



Resenhas da Série Canalhas:
[Canalhas #2] O Último dos Canalhas - Loretta Chase

26 comentários:

  1. Oi André.
    Fico muito feliz de você ter gostado. Este é um dos meus livros favoritos.
    Amo romance de época. Mas realmente a escrita da Loretta é espetacular e este casal em especial é perfeito.

    Ps: A parte do tiro é a melhor kkk

    Bj
    http://www.meupassatempoblablabla.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanta honra receber um comentário de tão ilustre pessoa... kkkk
      Fiquei muito feliz.
      Beijos Dri.

      Excluir
  2. Apesar da história se passar em "Paris" conhecida como a terra dos escritores, o livro não em chama muita atenção, pois não sou fã do gênero, mas sua resenha ficou ótima!

    ResponderExcluir
  3. ADOREI a História de Príncipe dos Canalhas (a bem da verdade, acho que adoro qualquer coisa que se pareça com uma releitura de A Bela e a Fera. hahah). Gostei do prólogo contando o passado do Lorde Bellzebu porquê ele quebrou toda e qualquer expectativa que eu tinha de encontrar a "cartilha dos Romances de Época". Sebastian foi descrito como sendo um monstro de aparência e de caráter, e manteve essa alcunha a todo o momento. É claro que precisou de uma mulher tão insana quanto ele para fazer esse carapaça de perversão se quebrar.
    A frase da imagem é bem a cara dele, e dela também. hahaha

    ResponderExcluir
  4. Assim como você tinha, eu também tenho esse pré-conceito de romances de época, mas já que sua resenha foi muito positiva, e esse livro te conquistou, vou anotá-lo na wishlist e dar uma chance para esse gênero.
    A sua resenha ficou ótima!!!
    Abr

    http://blog-myselfhere.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara, espero que goste. Depois me diga o que achou.

      Excluir
  5. Poxa! Sua resenha me fisgou.
    Adorei a premissa e espero ler em breve.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcia,
      Que bom que gostou da resenha e da premissa. Já conseguiu ler?
      Não deixe de visitar sempre os Garotos Perdidos.
      Beijos,
      André

      Excluir
  6. Oie, tudo bem? Nunca li romance de época e nunca tive interesse, mas 2015 foi o ano deles, né? Só via isso nos blogs... E o fato de vc ter gostado do livro me deixou curiosa pra ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaísa,
      Dê uma chance para este livro. Quem sabe você não passa a pensar diferente, da mesma forma que aconteceu comigo.
      Beijos,
      André

      Excluir
  7. Oiii André, tudo bem?
    Infelizmente dessa vez a obra em si não despertou meu interesse, mas parabéns pela resenha que ficou incrível <3
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgana,
      Obrigado pelas palavras de incentivo.
      Visite sempre os Garotos Perdidos para ler novas resenhas.
      Beijos,
      André

      Excluir
  8. Olá!
    Eu adoro romances de época e esse me parece fugir do habitual.
    Gosto bastante de personagens fortes e os protagonistas desse livro tem tudo para me cativar!
    Adorei a sua resenha e espero gostar do livro tanto quanto você!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jess, depois me diga o que achou.
      Volte sempre que quiser ao Garotos Perdidos ;-)
      Beijos

      Excluir
  9. Li os dois livros lançados por Loretha O príncipe dos canalhas e o Ultimo dos canalhas, e gostei muito da escrita da autora, sempre boas histórias e muito bem humorada, amo romances de época. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Danielle,
      Pena que não lançaram os dois primeiros volumes dessa série por aqui. O Príncipe dos Canalhas e O Último dos Canalhas são, na realidade, o terceiro e quarto livro da série.
      Beijos,
      André

      Excluir
  10. legal que a leitura de algo que vc não tem o hábito de ler lhe pareceu tão surpreendente... eu penso da mesma forma com relação ao gênero, e mesmo vc dizendo que esse título seria uma exceção a regra, ainda não me sinto com vontade de conhecer a fundo a história...
    bjs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok Maria,
      Mas volte sempre que quiser para conhecer outros livros e filmes.
      Beijos,
      André

      Excluir
  11. Oie
    parece ser uma boa leitura mas realmente não curto livros do gênero então vou deixar a dica passar, essa capa é uma graça e o enredo está bem legal

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem Catharina,
      Espero continuar te vendo por aqui.
      Beijos,
      André

      Excluir
  12. Oiii!!!
    O livro parece ser bem interessante, mas como eu não gosto muito de livros que tenha erotismo envolvido fico um pouco desconfortável em ler. Gostei das descrições que fez sobre a história e principalmente de saber que a personagem Jessica foge do padrão de romances de época. É bom encontrar coisas diferentes.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Criiiis,
      Valeu pelo comentário.
      Volte sempre para visitar os Garotos Perdidos.
      Beijos,
      André

      Excluir
  13. Olá,
    Raramente leio romance de época, mas achei interessante a protagonista ser tão moderna, ao menos entendi isso pela sua resenha.
    E também gostei de ser uma espécie de releitura.

    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Debys,
      Entendeu corretamente. A Jéssica é uma personagem forte e batalhadora. Nada de personagens femininos fracos e submissos.
      Beijos,
      André

      Excluir