[Lux #3] Opal - Jennifer L. Armentrout

14 de jan de 2016
Livro: Opal
Série: Lux #03
Autora: Jennifer L. Armentrout
Editora: Entangled Publishing
Páginas: 452
Formato: E-Book
Idioma: Inglês

Opal é o terceiro livro da série Lux, escrita pela americana Jennifer L. Armentrout, autora bestselling do New York Times. Ela escreve livros Adultos e Jovens Adultos, fantasia e romance. Obsidiana, primeiro volume da série, já teve seus direitos vendidos para o cinema. Sua escrita é fluída e cativante, mas me decepcionei um pouco com Opal.

Cada um dos três primeiros livros da série, recebe o nome de uma pedra que exerce uma influência positiva ou negativa nos alienígenas ou nos humanos que foram alterados por eles.

Obsidiana é uma pedra capaz de matar os Arum, inimigos mortais dos Luxen, alienígenas que vivem entre nós.
Kate se muda com sua mãe para o interior e conhece seus vizinhos, Dee e Daemon. Kate fica logo amiga de Dee, mas seu irmão é um verdadeiro babaca. Lindo, mas babaca. Kate acaba se machucando gravemente num ataque e Daemon a cura usando seus poderes, o que acaba alterando seu DNA e criando uma ligação entre eles. Agora, mais do que nunca, eles são alvos dos Arum.
Como primeiro livro da série, é muito bom. A história é legal e a relação de amor e ódio  entre Kate e Daemon é apaixonante.

Onyx causa dor insuportável quando tocada pelos Luxen ou pelos híbridos - humanos curados pelos alienígenas.
Daemon demonstra sentimentos por Kate, mas ela acredita que esses sentimentos existem somente por causa da ligação criada quando Daemon a curou. Kate conhece Blake, um rapaz que, assim como ela, também foi salvo por um Luxen. Ele quer ajudar Kate a controlar os poderes que ela está descobrindo possuir. É claro que Deamon morre de ciúmes. O Departamento de Defesa, conhecido como DOD, começa a rondar Kate e os gêmeos. Quais seriam sua verdadeiras intenções?
O clima de espionagem e de suspense aumenta e o livro ganha em emoção. Não há como parar de ler. Toda hora há uma reviravolta na história. Ninguém parece ser quem realmente é. Fiquei tão envolvido com a história que nem escrevi uma resenha sobre o livro, comecei logo a ler o terceiro volume: Opal.

A pedra Opal é usada para potencializar o poder dos híbridos e dos Luxen.
Dowson, irmão gêmeo de Daemon e Dee foi resgatado, mas a sua namorada Beth continua desaparecida. Blake reaparece após ter matado Adam, namorado de Dee, e chantagea Daemon e Kat para invadirem a central do DOD para resgatarem Beth e Chris, o alienígena que o curou. Sem ter como fugir da chantagem, eles aceitam.
Pelo enredo, achei que seria um livro tão acelerado quanto Onyx. Mas, não! Nada acontece até a metade do livro, quando eles decidem invadir a sede do DOD e, mesmo depois, há muita conversa, muito treinamento. Há alguns momentos impactantes, com algumas mortes, mas são rápidos e sem muita importância para a história. enredo. A morte de uma personagem, por exemplo, acontece somente para que Kate tenha acesso à Opal. Outra coisa que também não gostei foi o mela mela do casal central. Neste livro há muito mais romance do que nos anteriores. A única coisa que se salva é o final. PQP!! Já esperava que algo assim fosse acontecer com Kat ou com Daemon, mas, mesmo assim, senti meu coração batendo forte.

Comparado com os anteriores, Opal é bem inferior, mas consegue manter o interesse na história.

Resenhas da Série Lux:
[Lux #1] - Obsidian - Jennifer L. Armentrout
[Lux #2] - Ônix - Jennifer L. Armentrout
[Lux #4] - Origin - Jennifer L. Armentrout

Nenhum comentário:

Postar um comentário